[Livro] Bruxos e Bruxas - James Patterson e Gabrielle Charbonnet.


  “É como entrar em um pesadelo. Do nada, você é retirado de sua casa, preso, e acusado de bruxaria. Parece século 17, mas é o governo da Nova Ordem, e está acontecendo agora!
   Sob a ideologia da Nova Ordem, O Único Que É O Único mantém seu poder à força, sem música, nem internet, nem livros, arte ou beleza. E ter menos de 18 anos já é motivo suficiente para que você seja suspeito de conspiração.
   Os irmãos Allgood estão encarcerados nesse pesadelo e, para escapar desse mundo de opressão e medo, terão que contar um com o outro e aprender a usar a magia.”

    A historia gira em torno dos irmãos Allgood. Acordar num belo dia e ser acusado de bruxaria não e pra qualquer um, Whit e Wist ficaram receosos mas depois levaram numa boa (é pessoal!), aceitaram fácil demais (aa legal eu sou um bruxo, firme, e ai alguém vai come esse pão?) Cara quem é que aceita isso fácil assim? James poderia ter desenvolvido melhor essa parte.
   Quanto a linguagem e bem simples (Direcionada aos jovens mesmo) os capítulos são bem curtinhos, que torna a leitura mais fácil e rápida (vapt vupt) e são alternados em primeira pessoa entre Whit e Wist, que ajuda-nos a enxergar melhor o ponto de vista de cada um.Wisteria, a mais nova dos irmãos, ruiva, sarcástica, decidida e extrovertida (ela pega fogo também) transforma Byron Swain, um garoto da escola deles (e que gosta dela), em fuinha, Whitford, bonito, inteligente e a estrela do time de futebol, (ele flutua enquanto dorme) tem uma namorada desaparecida, Celia, com quem sonha frequentemente e quer encontrar, justo por esse motivo acabam “descobrindo”  a Terra das Sombras, um lugar para meia luzes (espíritos) vagam.

   Não vou negar, eu imaginava uma historia totalmente diferente, talvez com mais terror (ava viciada) eu realmente esperava mais, mas a historia é bem gostosa. No meio do livro contém o mapa e no finalzinho do livro, está os “trechos da propaganda da nova ordem” nele contem os livros que foram banidos, as bandas poluidoras do som, museus destruídos, artistas, e gírias banidas, tudo bem cômico.

   O livro em si e bem bonito "Não devemos julgar o livro pela capa" é o que minha mãe diz, mas, sim eu faço isso (as vezes). O titulo e metálico e o “B” é em alto relevo, as folhas são em papel pólen e sim possui as famosas abas.


Então pra quem quer começar uma leitura descontraída, taí. Bruxos e Bruxas.


  • Livro: Bruxos e Bruxas
  • Autor: James Patterson e Gabrielle Charbonnet
  • Editora: Novo Conceito
  • Paginas:286
  • Acabamento: Brochura.

6 comentários:

  1. Olá!
    Confesso que não tive uma boa experiencia com Bruxos e Bruxas. Acho que o Patterson deixou muito a desejar, e não só na escrita rasa, quanto nos personagens que pela idade parecem tão infantis a todo instante. Achei tudo bobo demais, e até os cenários que eram para ser mais sombrios e particularmente apavorantes, devido aos títulos ficaram ainda mais toscos, infelizmente :( Só li esse e não pretendo ler os outros.

    Abraços
    David Andrade
    http://www.olimpicoliterario.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi David, Também fiquei assim quando li esse livro, comprei o Dom junto e olha ele segue nesse mesmo ritmo "bobo". Abraços.

      Excluir
  2. Oi Yuu, tudo bem
    Eu adoro histórias de magia, fantasia e bruxos, então, quando vi o lançamento dessa série fiquei muito interessada. Pelo o que contou, a história não é muito intensa, é dedicada a um público mais jovem, mas o que posso fazer, eu gosto!!!!! Risos.... Sua resenha ficou super divertida, gostei muito!!!!!!
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Cila, é, bem, não é o livro mais legal que li não, mas, até que é engraçado, Bjos.

      Excluir
  3. Conheço o livro, mas não li... fiquei em dúvida, adoro magia, fantasia, mas não vi tantas criticas positivas e acabei ficando com o pé atras.
    Afinal tenho tantos livros não lidos ainda rs
    Beijos
    Dri

    ResponderExcluir
  4. Oii Dri, é Vdd, mas quem sabe um dia você acaba lendo ele néh, Bjos.

    ResponderExcluir